Dicas práticas em Baden-Baden: Alojamento, Como se deslocar, Como chegar ao centro a partir do Aeroporto.

Neste post vão estar todas as dicas práticas para vos ajudar numa viagem a Baden-Baden.

  • Como Chegar a Baden-Baden

A forma mais prática e rápida de chegar à cidade é de avião, através do seu aeroporto Flughafen Karlsruhe (FKB). O aeroporto é muito pequeno e tem pouquíssimas infra-estruturas, ao ponto de no regresso querermos fazer uma refeição antes do voo e por lá apenas existir um café/pastelaria ao nosso dispor.

A companhia aérea Ryanair tem voos directos e normalmente muito económicos, com partida de Lisboa e do Porto.

DSCN9251

DSCN9685

  • Como ir do Aeroporto para centro da cidade

O Aeroporto de Baden-Baden encontra-se muito próximo do centro da cidade, (cerca de 18 Km), e as únicas formas de nos deslocarmos para lá são o autocarro ou o táxi.

Nós fomos de autocarro, obviamente (€)! A paragem encontra-se mesmo à saída do aeroporto e os bilhetes podem ser adquiridos na máquina de venda automática (que se encontra junto à paragem) ou directamente com o motorista. Em Dez/18 teve um custo de 3,50€ por bilhete.

A linha 285 faz o trajecto até à estação central de comboios de Baden-Baden e tem uma duração de cerca de 30 minutos. Há autocarros de hora a hora até às 20:30, prolongando-se depois o horário até ás 23:15, mas com menos frequência. Podem consultar todos os horários aqui.

As linhas 234 e X34 fazem o percurso até a estação de Rastatt.

Mas, da estação de comboios até ao centro da cidade, ficam ainda a faltar 5 km! Por isso, é necessário apanhar outro autocarro ou um táxi. Para vos facilitar o planeamento podem aceder ao site Deutsche Bahn e fazer uma pesquisa com a morada do vosso hotel/apartamento para ver qual o autocarro mais indicado para o vosso destino.

Também é possível descarregar a aplicação e aceder a toda essa mesma informação através do vosso telemóvel. É muito fácil de utilizar e foi bastante útil durante a viagem, bastando colocar o local onde se encontram, o local onde pretendem ir e o horário, que a aplicação dá-vos todas as informações necessárias, desde o nr.º do autocarro, a paragem, o horário e quantas paragens faz pelo caminho.

IMG_1097

IMG_1098

  • Deslocações na Cidade

Para as deslocações dentro da cidade não utilizamos nenhum meio de transporte, pois a cidade é pequena e está tudo muito concentrado, podendo fazer-se a pé sem grandes dificuldades.

As únicas vezes que utilizamos os transportes públicos foram para ir e vir do aeroporto (mais informações no ponto acima) e quando fomos para Estrasburgo. Nesse caso tivemos que apanhar o autocarro até à estação central de comboios, para posteriormente apanharmos o comboio que nos levou até à França.

Mais uma vez utilizámos a aplicação DB mas, se fizerem uma breve pesquisa, vão perceber que é o autocarro nr.º 201 que faz o trajecto Estação Comboios – Centro e Vice-Versa com maior frequência e em menor tempo. A linha 201 passa de 10 em 10 minutos e leva 18 minutos a fazer esse percurso. Cada bilhete teve um custo de 2,50€/trajecto.

DSCN9229

DSCN9389

  • Alojamento em Baden-Baden

Os preços do alojamento em Baden-Baden não são muito simpáticos, pois é uma cidade muito procurada por pessoas endinheiradas devido aos seus Spas, o que acaba por se reflectir nos preços dos hotéis.

Mas, depois de alguma pesquisa, consegui encontrar um apartamento com uma óptima pontuação no Booking e a um preço bastante acessível, do qual gostei muito e recomendo: City-Appartements im Hinterhof.

Este apartamento está super bem localizado, mesmo no centro e com supermercados a pouca distância. A casa estava decorada de uma forma rústica de muito bom gosto e tinha tudo para uma estadia confortável, desde utensílios de cozinha, a vários ingredientes básicos, como azeite, sal, café e diversas especiarias. O local era sossegado o que nos permitiu ter umas boas noites de descanso.

Não chegamos a conhecer o anfitrião, pois no dia do check-in recebemos um e-mail com todas as instruções necessárias para entrar no apartamento. A chave encontra-se numa pequena caixa com código que nos é dado na altura do check-in. Mas apesar de não o termos conhecido, foi sempre muito solícito na resposta às nossas dúvidas e, no último dia, solicitamos um check-out tardio, que nos foi prontamente concedido.

É sem dúvida um local onde voltaria  a ficar numa próxima viagem para Baden-Baden.

Mercado de Natal em Baden-Baden

A principal razão que nos levou a Baden-Baden foi visitar os mercados de Natal. Mas, ao contrário dos outros mercados de Natal que já visitamos (Berlim, Hamburgo, Luneburg, Colónia e Aachen), onde existem vários mercadinhos espalhados pela cidade, em Baden-Baden existe apenas um.

DSCN9430

A verdade é que a cidade não tem uma infraestrutura que consiga albergar vários mercados espalhados pelas suas ruas, pois são muito estreitas e não têm capacidade para comportar um aglomerado de barraquinhas entre elas. Por isso, existe apenas um mercado, bem grande, que se encontra  no complexo Kurhaus, bem no coração desta simpática  cidade.

IMG_9926

DSCN9337

O facto de ter apenas um mercado pode ser limitativo e sem piada? De forma alguma! O mais importante, aquilo que nos faz adorar os mercados Alemães estava lá… O espirito Natalicío que por lá se encontra.

Devo repetir-me constantemente quando escrevo os posts sobre os mercados de Natal, mas a verdade é que a atmosfera que se vive nos “Weihnachtsmarkt” é mágica. É uma experiência única, que faz as delícias de miúdos e graúdos. Como estou sempre a dizer: é impossível estar triste enquanto visitamos um mercado, pois a alegria e o espírito natalício são contagiantes.

IMG_0442

DSCN9334

DSCN9440

O Natal em Baden-Baden tem um encanto especial, pois é menos movimentado, permitindo-nos passear e apreciar tudo à nossa volta com muito mais calma. Além disso, sentimo-nos mais integrados na comunidade local, pois a grande maioria das pessoas que por lá circulavam eram locais, dando a sensação de ser tudo mais autêntico e genuíno.

IMG_9940

IMG_9959

No mercado de Natal do Kurhaus encontramos as típicas barraquinhas de madeira, onde  os locais se dedicam à venda de artesanato tradicional, doces e até as famosas salsichas Alemãs e o vinho quente. Mas a principal característica desde mercado são os seus majestosos candeeiros públicos que iluminam o espaço e criam um ambiente mais requintado e acolhedor.

IMG_0077IMG_0085

IMG_0110

Aqui também se pode encontrar um pinheiro de Natal com 15 metros de altura, um dos maiores da região, assim como uma exposição de presépios,  para visitar no Trinkhalle.

IMG_0448

Existe também um palco no centro do mercado, onde todas as tardes/noites podemos apreciar diferentes programas, que vão desde o aparecimento do Pai Natal até concertos musicais.

IMG_9927

Apesar de não ser um mercado de Natal, há um espaço no centro da cidade que é obrigatório visitar durante a altura do natal; trata-se do restaurante Löwenbräu.

IMG_9841

DSCN9208

Nesta altura do ano, transformam a parte exterior do restaurante num mundo mágico, com milhares de decorações alusivas ao Natal que consegue fazer as delícias de qualquer apaixonado por esta quadra. Aliás, acho que ninguém consegue ficar indiferente a toda aquela decoração.

DSCN9684

IMG_9846

DSCN9211

O Baden-Baden Christkindelsmarkt começa habitualmente no último fim de semana de Novembro e prolonga-se até aos primeiros dias de Janeiro.

Boa viagem! 🙂

Mercados de Natal em Colónia

Quem me segue há algum tempo já percebeu que adoro o Natal e os seus mercados. É uma época magica e o ambiente que se vive nos mercados consegue retratar na perfeição essa magia e alegria. Passar algum tempo num mercado de Natal, é animação certa! As pessoas estão sempre bem dispostas, há sempre músicas a passar e tudo isso é contagiante! É praticamente impossível estarmos tristes enquanto lá estamos.

Até o Sérgio, que não gosta particularmente desta quadra, já se rendeu! Por isso, temos tentado visitar um mercado todos os anos. Já conhecemos os mercados de Berlim, Hamburgo, Lüneburg, Colónia e Aachen e, de todos, os mais animados foram sem dúvida os de Colónia. Não sei se o facto de a nossa “sobrinha” ter viajado com a gente teve alguma influência nesta opinião, mas era tão maravilhoso vê-la encantada e super sorridente com toda a agitação à sua volta, que nos contagiava essa alegria 🙂

IMG_7296

As datas de abertura dos mercados dependem de lugar para lugar mas, normalmente, começam na última semana de Novembro e terminam no dia 23 de Dezembro. Este ano (2018), os mercados abrem as suas portas a 26 de Novembro e encerram a 23 de Dezembro, mas o melhor é ver o site e consultar as datas de inicio e horários.

Cathedral X-Mas Market

Junto à famosa Catedral, encontra-se um mercado de natal onde se pode admirar o maior Pinheiro com decorações de Natal da região da Renânia, com cerca de 25 metros de altura e de onde saem milhares de LED’s, formando uma tenda de luzes enorme. É lindíssimo passar por lá durante a noite e apreciar todo aquele brilho por cima de nós.

IMG_6886

DSCN6595

DSCN7137

Passei várias vezes por este mercado e explorei-o de uma ponta a outra, principalmente por ter uma localização tão central e por ter sempre muita animação.

Quando a noite cai, o mercado fica completamente a abarrotar e é praticamente impossível transitar normalmente, o que por vezes tornava-se um pouco confuso. Apesar de estar sempre a rebentar pelas costuras, as pessoas que por lá andam estão com espirito natalício em alta e, por isso, não há grandes stresses nem atropelos, para passarem uns por cima dos outros.

IMG_6890

IMG_7327

A quantidade de pessoas que lá circula quando cai a noite.

IMG_5071

IMG_7309

Mas, encontramos um sítio junto ao edifício do Museu Romano-Germânico que, normalmente, estava um pouco mais calmo. Além disso, também tinha um músico que tocava óptimas músicas natalícias, o que contagiava toda a gente! 🙂

DSCN7152

Old Market Christmas

IMG_6905.JPG

É o maior e mais tradicional da cidade, o “Heimat der Heinzel”, ou Casa do Gnomos. Este mercado é enorme, começa na praça em frente ao Rathaus, espalha-se pela Alter Markt e vai descendo até à praça Heumarkt.

IMG_6913

Este mercado é uma homenagem aos gnomos. Existe uma lenda que diz que os Heinzelmännchen (gnomos de casa) realizavam todos os tipos de trabalhos para os habitantes locais de Colónia; Preparavam a comida, costuravam as roupas, consertavam os sapatos… Por isso, neste mercado pode encontrar-se inúmeros gnomos na sua decoração. Todas as ruas têm um tema diferente, mostrando as actividades que eles faziam nas suas guildas.

IMG_6912

DSCN6672

DSCN6770

Neste mercado existe uma pista de patinagem bem grande. Um dos bares encontra-se no 1º andar, mesmo de frente para à pista, o que permite ver em primeiro plano os espalhanços que lá iam acontecendo… :p

DSCN6674

Um dia ainda quero patinar numa pista de gelo num mercado de natal. Que fique bem claro que não sei patinar! Será uma forma de proporcionar boas gargalhadas aos outros quando me  virem a cair, já que o mesmo acontece comigo quando estou a assistir às quedas dos outros. 😛 Mas, ainda não consegui convencer ao Sérgio para ir comigo…já que é para fazer figuras, aos pares é bem mais engraçado,não? Talvez este ano, Sérgio? 😀

Gostei particularmente deste mercado, principalmente pela sua decoração e pelo ambiente que se encontra por lá. Por os vendedores estarem vestidos com trajes adequados à sua profissão e, também, pelas barraquinhas onde podemos ver os artesãos demonstrando as suas habilidades, como por exemplo o ferreiro a moldar o ferro.

IMG_5137

IMG_5149

DSCN6671

Harbour Christmas

Este mercado encontra-se mesmo junto ao museu do chocolate. É um mercado pequeno, mas com um cenário bem pitoresco, com vista para o Rio Reno.

IMG_6932

Angel´s Christmas Market

Na praça Neumarkt encontra-se o Angel´s Christmas Market, o mercado mais antigo de Colónia.

Como o nome indica, a sua decoração centra-se à volta de anjos, desde as barraquinhas até figurantes vestidas a rigor que por lá se passeiam, o que torna o ambiente deste mercado algo muito diferente e encantador.

DSCN6872

DSCN6867

IMG_7051

Enquanto estava a saborear um delicioso vinho quente, vejo uma rapariga vestida de anjo em cima de um cavalo a passear pelo mercado e a distribuir doces pelas crianças… Esta é uma das razões que gosto tanto de visitar os mercados de Natal, por estar constantemente a ser surpreendida enquanto lá estou e, sem estar à espera, momentos como este arrancarem-me um sorriso. É nestas alturas que me sinto abençoada e uma sortuda por conseguir viver estes momentos únicos 🙂DSCN6861

IMG_4275

Aqui também podemos encontrar uma loja da Kathe Wohlfahrt. Não deixem de entrar e deliciem-se com as magnificas decorações de natal 🙂

DSCN6857

Apesar de não ter sido o meu mercado preferido de Colónia, acho que vale muito a pena visitá-lo por ter uma temática tão diferente de outros mercados que já visitei.

Mercados de Natal em Hamburgo

A principal razão que nos levou a Hamburgo foi os seus mercados de natal. E apesar de a cidade nos ter surpreendido bastante e termos conseguido conhecer muito de Hamburgo, também passamos bastante tempo nos mercados de natal. Estes foram os que visitámos:

  • Rathausmarkt

O principal e maior mercado de natal fica em frente à Rathaus e é um dos mais famosos e respeitáveis mercados de natal da Alemanha.

DSCN4358

Mas também não é difícil perceber porquê. Toda a envolvência das barraquinhas do mercado e, como pano de fundo, o lindíssimo edifício do Rathaus tornam este cenário lindíssimo.

DSCN4498

Assim que entramos num mercado os nossos sentidos são logo despertados com o cheiro dos frutos secos caramelizados, das típicas salsichas e do popular Glühwein (vinho quente).

IMG_4467

Estes vinhos são servidos em canecas decoradas com motivos de natal e com o nome do respectivo mercado, por isso, todos os mercados têm um caneca diferente. Eu costumo ficar com as canecas, como souvenir. Nesta viagem trouxe duas, uma deste mercado outra da cidade de Lüneburg 🙂 Ao comprarmos a bebida temos que pagar uma pequena caução (cerca de 3€), e ao entregarmos a caneca devolvem-nos o dinheiro da caução. Como fiquei com a caneca fiquei sem esse dinheiro, mas quero fazer uma colecção dos diferentes mercados de natal que já fui. Já tenho 4! 🙂

DSCN4511

Uma das grande atracções deste mercado de natal é o pai natal no seu trenó que sobrevoa o mercado (através de um cabo de aço de 100 metros). Quando assistimos já era de noite e praticamente não se via o cabo. Dava mesmo a sensação que o trenó estava a voar sobre as nossas cabeças. Imagino que as crianças delirem com este espectáculo, pois eu fiquei toda derretida a assistir aquilo…

O pai natal vai visitar o mercado diariamente, às 16h, 18h e 20 h.

 

 

Uma das barraquinhas com mais movimento neste mercado é a da Käthe Wohlfahrt, uma loja especialista em decorações e artigos de Natal. Até fazem filas para lá entrar, mas vale muito a pena a espera!! A loja é uma tentação para os amantes do Natal, com artigos lindissímos, desde enfeites para a árvore de natal a presépios. O díficil mesmo é não comprar nada por aqui… Até o Sérgio que não liga nada ao Natal, andava todo contentinho a ver os artigos da loja :p

IMG_4728

  • Mercado de Natal em Gerhard-Hauptmannplatz

Este mercado de natal vai da Hauptbahnof (estação central de comboios) até à Rathaus, passando pela principal rua comercial da cidade, a Mönckebergstrasse.

DSCN4536

É uma área enorme, cheia de barraquinhas a fazer as delícias de miúdos e graúdos 🙂

IMG_4271

IMG_4290

Neste mercado existe um espaço que gostamos bastante, a Winterwald, uma zona onde parecia que tínhamos sido transportados para o meio de uma floresta, pois estava recheada de pinheiros e outros arbustos. Um recanto mágico e super acolhedor.

IMG_4282

Como passamos por aqui, durante o dia e durante a noite, conseguimos ver a diferença e a dinâmica que os mercados ganham a partir do final da tarde. Durante o dia estava praticamente vazia mas, durante a noite, quase que não conseguíamos caminhar sem dar um encontrão a alguém…

IMG_4274

E não é só de turistas que estes mercados de natal estão cheios. Na realidade, os locais são a grande maioria. Saem do trabalho e vão conviver com amigos e/ou familiares, beber um vinho quente, fazer compras de natal… É um espectáculo ver todo aquele convívio e alegria e isso é contagiante! É impossível estarmos tristes enquanto estamos num mercado de Natal.

DSCN4311

DSCN4315

  • Magia Branca em Jungfernstieg

Este mercado distingue-se dos outros por ser formado só com barracas e luzes brancas. Situa-se na avenida de luxo em Hamburgo, onde se encontram muitas lojas exclusivas.

DSCN4327

As barracas estão nas margens do Lago Alster e fazia mesmo muito frio quando lá fomos, por isso, estivemos pouco tempo por lá…

  • Mercado de St. Petri

As barracas colocadas à volta do igreja mais antiga da cidade, fazem este mercado ser bastante acolhedor.

IMG_4448

IMG_4453

Tivemos pouco tempo por aqui, foi mesmo só de passagem.

  • Reeperbahn

Nesta conhecida rua de Hamburgo, famosa por aqui se encontrar o Red Light District, também existe um mercado de Natal.

DSCN4971

Nem éramos para vir aqui, mas como ainda faltavam algumas horas para o nosso voo, decidimos dar aqui um pulinho. E ainda bem que o fizemos, pois foi o mercado que mais nos surpreendeu, principalmente por ser tão diferente do que estamos habituados.

IMG_4860

É um mercado de natal normal, mas a grande diferença está nas suas decorações mais viradas para o erotismo e nos artigos pouco convencionais que encontramos à venda. Aqui podemos encontrar vários artigos eróticos com decoração de natal.

DSCN4977

IMG_4862

Numa área fechada, numa extremidade do mercado e apenas acessível a adultos, existe uma tenda onde é possível assistir a shows de striptease.

IMG_4866

Estes são só alguns dos mercados de natal que a cidade de Hamburgo oferece, existem muitos mais. Mas claro, que com apenas 3 dias era-nos impossível percorrer todos e também conhecer minimamente a cidade.

Podem consultar este site para conferirem as datas, detalhes e localização dos mercados.

Geralmente todos os mercado de natal funcionam das 10 da manhã às 9 da noite e, às sextas, sábados e domingos, prolongam-se até às 10 da noite.

Nem que seja apenas uma vez na vida tem que mercado de natal! É mesmo uma experiência única e encantadora, por momentos voltamos a ser crianças e vivemos a magia do natal como tal.

Feira de Natal em Alexanderplatz | Berlim

A praça Alexanderplatz tem mais do que um mercado de natal, um deles foi o que fui na primeira noite (aqui), que fica junto à Igreja S. Maria (Marienkirche) e à Câmara Municipal de Berlim (Rotes Rathaus), e é caracterizado pela sua roda gigante. O outro mercado fica mesmo junto ao Weltzeituhr, o relógio-mundial, e apesar de no dia anterior já ter visitado este mercado durante o dia, não queria ir-me embora sem dar um “pulinho”a este mercado durante a noite.

Depois de termos chegado do campo de concentração, a meio da tarde, sentíamo-nos sem grande entusiasmo para continuar a turistar, por essa razão decidimos voltar para o hotel e ficar o resto da tarde por lá.

IMG_4706

Assim descansamos um pouco e aquecemos, pois estávamos completamente enregelados, mas depois de uma manhã inteira debaixo de neve não era de admirar!

Só voltamos a sair do hotel para irmos jantar, decidimos voltar ao restaurante italiano que almoçamos no dia anterior, na praça Alexanderplatz. (E este restaurante vai merecer um post completo)

DSCN5470

Depois de termos saboreado uma deliciosa refeição, “arrastei” o Sérgio (que nesta altura do campeonato já não via com bons olhos os mercados de natal), para o mercado junto ao relógio-mundial. Afinal ainda não o tinha visto durante a noite, e é à noite que estes mercados ganham vida e magia 🙂

IMG_4699

E foi só chegar ao mercado e ver todas as decorações e enfeites de natal que os meus olhos começaram a brilhar. Definitivamente, esta época do ano tem um efeito mágico em mim 🙂

IMG_4710

Percorremos todo o mercado e mais um vez ficamos impressionados com o ambiente que se vive aqui. Assim que caí a noite, os mercados ficam cheios de pessoas, o cheiro a doces e a vinho quente invadem os mercados e com a música natalícia, em plano de fundo, torna tudo isto em algo idílico.

DSCN5490

Até o Sérgio, que não é grande apreciador desta época do ano, ficou conquistado com todo o espírito natalício que se vive nos mercados de Natal (apesar de ele negar :P)

DSCN5464

É bastante comum vermos os habitantes em grupo de amigos e/ou em família a passearem e a fazerem compras pelos mercados de natal, depois de um dia de trabalho.

DSCN5493 DSCN5513

Enquanto estávamos no meio do mercado, comecei a ver a neve a cair, e dei “literalmente” pulinhos de alegria… Mas depois comecei a achar que os flocos de neve eram demasiado grandes… Afinal era apenas neve artificial que tinham no recinto 🙂

DSCN5517

Como não tínhamos comido sobremesa no restaurante, comemos um doce típico numa das barraquinhas no mercado de Natal.

DSCN5529

Escolhemos um doce, que era parecido a uma bomboca gigante, e que era deliciosaaaaa 🙂

DSCN5537

Infelizmente era a última noite em Berlim e nos mercados de Natal, mas apesar disso, divertimo-nos imenso durante o resto da noite.

Talvez por isso, por nos termos divertido tanto durante toda a viagem, que Berlim vai ficar para sempre na minha memória, como uma das viagens que mais gostei de fazer. (Mas também acho que influenciou bastante o facto de ter ido aos primeiros mercados de natal na Alemanha.)

Gendarmenmarkt | Berlim

DSCN5313

Gendarmenmarkt foi o mercado escolhido para esta noite.

Há uns anos atrás, quando o meu fascínio pelos mercados de natal começou, este foi um dos primeiros mercados de natal que vi… E até começar a organizar a viagem nunca pensei que houvessem tantos mercadinhos espalhados pela cidade, onde existe uma praça há um mercado de natal 🙂

DSCN5312

Mas este ficou com um lugar especial no meu coração, foi o mercado que mais gostei, o que achei mais acolhedor, mais mágico e o que mais me diverti.

IMG_5197

Este também foi o único mercado onde tive que pagar a  entrada, mas é apenas 1€ e valem cada cêntimo, pois existem espectáculos, desde acrobatas, músicos, dançarinos…

Um pouco depois de ter entrado começou um espectáculo com os “Die Artistokraten” (www.artistokraten.de).

DSCN5323 Eram três artistas, faziam malabarismo, dançavam, faziam macacadas… Foi rir do inicio ao fim do espectáculo, simplesmente delicioso! E este foi um dos aspectos porque gostei tanto deste mercado. IMG_5217

Quando o espectáculo terminou já era noite cerrada, e ai esta praça ganhou outra magia. Todas as luzes se acenderam, a enorme árvore de natal junto a uma das catedrais ficou simplesmente perfeita toda iluminada.

DSCN5347Consideram esta uma das praças mais bonitas da cidade, e eu concordo. Toda a envolvência desta praça com as barraquinhas e decorações de natal tornam este local mágico e especial.

DSCN5360Nesta praça encontram-se duas catedrais gémeas, uma em frente à outra. A Franzosischer Dom (Catedral Francesa) e a Deutscher Dom (Catedral Alemã). Entre elas existe uma sala de concertos (Konzerthaus).

DSCN5339

Foi aqui que Leonard Bernstein deu um memorável concerto para celebrar a queda do muro, em 1989.

DSCN5331

Este mercado de natal não é muito grande, mas dessa forma torna-se bastante acolhedor. Apetece-nos percorrer todas as barraquinhas, deslumbrar-nos com todas as decorações de natal, apreciar todos os pormenores…

IMG_5230

Foi-me quase impossível não estar sempre a fotografar, queria registar todos os momentos, todos os pormenores que estava a ver…

DSCN5353

Para nunca me esquecer de tão belo que era este lugar e de tão feliz que estava, por estar num local que há muito desejava.  DSCN5346DSCN5341Antes de regressarmos ao hotel ainda demos um pulinho às galerias Lafayatte, já que em Paris não tive a oportunidade de fazê-lo. Só para satisfazer a curiosidade e ver as caríssimas malas da Coach, Michael Kors, Furla… Só fui mesmo ver, até porque não ligo nada a marcas… Prefiro investir o meu dinheiro em viagens, mas é tudo uma questão de prioridades 🙂

Berlim: Alexanderplatz & Ilha dos Museus

Depois de termos visitado o muro de Berlim terminamos a nossa manhã na praça Alexanderplatz.

Durante a II Guerra Mundial esta praça foi totalmente bombardeada, mais tarde ergueu-se e tornou-se numa das praças mais conhecidas e movimentadas de Berlim.

DSCN5143

Uma das principais atracções desta praça é a TV Tower (Berliner Fernsehturm), esta estrutura acompanhou-nos durante quase toda a nossa viagem por Berlim, não fosse ela um dos edifícios mais alto da Europa, com os seus 368 metros!

DSCN5176

Podemos aceder ao topo deste ícone de Berlim e obter uma vista panorâmica de toda a cidade. Existe também um restaurante giratório, poucos metros acima da plataforma de visita. Nós acabamos por não subir, pois era algo que não nos atraia muito fazer…

IMG_5128Só temos noção do tamanho desta torre quando estamos mesmo junto a ela, sentimo-nos uma autenticas formigas junto daquele enorme edifício!

Obviamente que esta importante praça tinha que ter também um mercado de natal, que é caracterizado pela sua roda gigante.

DSCN5181

IMG_5092

Neste mercado de natal existe uma pista de gelo onde é possível fazer patinagem.

Visitar um mercado de natal durante o dia não tem o mesmo encanto que à noite, as luzes, a multidão, a alegria, o cheiro a salsichas acabadas de fazer e até mesmo o frio gelado, torna tudo muito mais especial.

DSCN5200

Aqui nesta praça também podemos encontrar a Igreja S. Maria (Marienkirche) e a Câmara Municipal de Berlim (Rotes Rathaus).

IMG_5096

Igreja de S. Maria

DSCN5164

Câmara Municipal de Berlim

Outra das grandes atracções da Alexanderplatz é o Weltzeituhr, o relógio-mundial.

DSCN5210

Este enorme relógio mostra as horas de vários locais do mundo!

DSCN5216Junto ao relógio existia outro mercado de natal 🙂

IMG_5111DSCN5233

Depois de muito andarmos a fome começou a apertar… Mas estávamos no meio de uma das praças mais movimentadas da cidade, e nós não gostamos de ir a restaurantes nestas zonas, porque normalmente são caros e não somos muito bem servidos… Fomos até a um centro comercial que ali se encontrava mas nada nos chamava a atenção, pois queríamos ir a algum sítio onde pudéssemos comer tranquilamente, sentados e quentinhos, de preferência. Até que tivemos a revelação da viagem, no meio de Alexanderplatz encontramos um restaurante italiano que servia comida deliciosa e com preços acessíveis.

Gostávamos tanto que fizemos questão de voltar no dia seguinte, para jantar 🙂 (Este restaurante vai merecer um post à parte)

Depois de alimentados seguimos caminho até à ilha dos Museus.

DSCN5253

Não chegamos a ir a nenhum museu, pois não era esse o objectivo principal desta viagem. Ainda assim, coloquei no itinerário o Pergamonmuseum, caso tivesse muito mau tempo e não conseguíssemos visitar o que queríamos no exterior, assim teríamos um plano B…

Felizmente tivemos sorte e apanhamos bom tempo, na maior parte dos dias, e não chegamos a recorrer ao plano B 🙂

IMG_5145

IMG_5140

Na ilha dos museus encontra-se a belíssima Catedral de Berlim (Berliner Dom).

DSCN5288

Esta catedral sofreu muitos danos durante a segunda guerra mundial, parte da cúpula foi atingida e caiu ao chão. Em 1975 começaram os trabalhos de reconstrução.

DSCN5285

A sua majestosa e gigante cúpula é visível em diversas partes da cidade.

DSCN5277

Já fora da ilha dos museus fomos direitos para a praça Bebelplatz. Esta praça foi palco de uma famosa queima de livros por parte dos nazis, livros esses que eles consideravam inapropriados…

IMG_5173

Em forma de homenagem foi construído nesta praça um memorial bem discreto, mas com muito significado… No chão encontra-se uma placa de vidro, onde se pode ver uma sala com estantes de livros vazios…DSCN5292Simbolizando a destruição dos livros e do conhecimento, a que esta praça assistiu.

Pode passar despercebido aos mais distraídos, eu quase não dava por ele, mas vi algumas pessoas a olharem para o chão, calculei que fosse lá o sítio do memorial….

Mercado de Natal no Palácio Charlottenburg | Berlim

Nesta viagem fazia questão de ir a mercado de natal diferente, todas as noites. No primeiro dia completo em viagem a escolha recaiu para o mercado do Palácio Charlottenburg.

DSCN4932

Este palácio ainda é um pouco longe do centro de Berlim, levamos quase 30 minutos de metro a lá chegar, descemos na estação Sophie-Charlotte-Platz. Daí ainda tivemos que percorrer quase 1 km a pé até chegarmos ao palácio.

DSCN4937

Apesar de ser longe, o tempo e esforço foram recompensados assim que lá chegamos. Parecia que tinha sido transportada para um conto de fadas, as barraquinhas em madeira, toda a decoração de natal e ao fundo o belo Palácio Charlottenburg fazem o cenário perfeito 🙂

DSCN4973DSCN4935

Não se paga para termos acesso ao mercado de natal, mas se quisermos visitar o interior do Palácio temos que pagar bilhete (cerca de 14€) nós não fomos, pois à hora que chegamos já se encontrava fechado.

DSCN4947

Como já sentíamos um ratinho dentro de nós decidimos experimentar uma deliciosa salsicha alemã (que delícia), e para acompanhar um Glühwein (vinho quente).

DSCN4966

IMG_4948

O curioso destes mercados de natal é que não são feitos para o turista, muito pelo contrário, a grande maioria das pessoas que lá andam são mesmo os habitantes.

DSCN4941

DSCN4995

Quando começa a anoitecer os mercados ganham outra vida, além das luzes, que tornam o espaço com mais magia, ficam cheios de vida devido às pessoas que começam a aparecer para conviver, tomar o seu glühwein, ou para saborear alguma comida típica, ou mesmo para fazer as suas compras de natal.

DSCN4943

DSCN5000

Um mercado de natal sem um Glühwein não é a mesma coisa! É raro não vermos alguém junto à sua caneca a saborear esta deliciosa bebida.

E eu, rendi-me a esta bebida, além de ser muito saborosa (consiste num vinho quente com especiarias), também ajuda a aquecer do frio que se faz sentir nestas noites geladas de inverno.

Estes vinhos quentes são servidos numa caneca, quando compramos a bebida também temos que pagar uma caução da caneca, como garantia. Se no final devolvermos a caneca, o valor entregue de caução é devolvido. Mas podemos ficar com as canecas, como souvenir, foi o que eu fiz 🙂

DSCN4971

DSCN5014IMG_4986