The Scotch Whisky Experience | Edimburgo

Os amantes de Whisky não podem deixar de visitar o The Scotch Whisky Experience“, que se encontra logo ao lado do Castelo de Edimburgo. Confesso que apenas inclui esta experiência no nosso itinerário, porque o Sérgio gosta imenso desta bebida, mas eu, que não aprecio nem percebo nada de whisky, também adorei a visita!

IMG_2329

Existem vários tipos de tours, que vão desde as 17,00£ até às 79,00£. Podem ver o que está incluído nas diferentes tours no site oficial (aqui).

Nós fizemos a “The Silver Tour”, que é a mais comum. Não reservamos os bilhetes antecipadamente e na altura que fomos (Novembro), não vimos grande necessidade de fazê-lo. Assim que adquirimos os bilhetes “embarcamos” de imediato nesta experiência.

A tour começa a bordo de um carrinho em forma de barril, e à medida que vai andando é-nos explicado como se processam as diferentes fases da produção do Whiskey, através de projecções nas paredes. A visita é acompanhada por um áudio guia que contém toda a informação em vários idiomas, inclusive em Português (de Portugal).

IMG_2332

Quando saímos do carrinho dirigimo-nos para uma sala onde assistimos a um vídeo sobre as diferentes regiões da Escócia que produzem esta bebida. A visita aqui é efectuada por um guia em Inglês, mas podemos utilizar o áudio-guia e ouvir a explicação no nosso idioma. Tivemos muita sorte com a nossa guia, pois ela era bastante divertida e entusiasta a explicar tudo, o que tornou a visita bem mais animada e emocionante.

IMG_2333

Na entrada para esta sala e-nos entregue um cartão com as várias regiões produtoras de Whisky, e cada uma tinha um cheiro característico. Então, a guia explicou-nos como saber diferenciar, através do aroma, em que zona é produzido um whisky, que pode ir do frutado até ao fumado…

IMG_2346

De seguida passamos para uma sala onde vamos escolher o whisky que queremos experimentar, com base na explicação que anteriormente nos tinha sido dada.  Antes de  nos dirigirmos para a última sala da visita, através de efeitos visuais, é-nos mostrado a “abertura” de um cofre de alta segurança onde nos é apresentado a Maior Colecção privada de Whisky do Mundo. No momento que o “cofre” é aberto, o Sérgio larga um sonoro “Ahhhhhhhhh” num timbre duvidosamente agudo, que ainda hoje a nossa guia deve lembrar-se, uma vez que comentou que tinha sido a reacção mais entusiasta a que já tinha assistido! #sempreaenvergonharadesgraçadinha 🙂

IMG_2347

A colecção de Whiskys está exposta em várias vitrines de vidro, e é realmente impressionante. Aqui ficamos alguns minutos a apreciar as garrafas, assim como a saborear a bebida que nos foi oferecida. O copo onde nos é servido a bebida, para degustação, é um presente. No final dão-nos uma embalagem de cartão para colocarmos o copo, e dessa forma, o mesmo ficar melhor acondicionado.

IMG_2353

IMG_2350

Esta experiência teve uma duração de 50 minutos, mas podemos ficar no bar do Museu o tempo que quisermos.

A última passagem é pela Loja, mas a mesma encontra-se aberta a qualquer pessoa, mesmo para quem não fez nenhuma tour. Aqui podem encontrar à venda uma enorme variedade de whiskys (em tamanho normal, como em miniatura), assim como diversos souvenirs.

Informações:

Morada: The Royal Mile,354 Castlehill

Site: scotchwhiskyexperience.co.uk

Horário: Existem diferentes horários consoante o mês. Dessa forma é melhor consultarem o site (aqui)

Preço: 17 Libras Silver Tour. Consultem o site para conhecerem as outras experiências disponíveis, assim como os respectivos preços.

Edimburgo | Escócia

Edimburgo é a capital da Escócia e, apesar de ser uma cidade pequena, tem várias atracções fantásticas! Tem um dos castelos mais importantes do Reino Unido, vários museus interactivos e inovadores, e até a experiência de ver como são feitos e provar os famosos whiskys escoceses na sua terra de origem.

DSCN1080

DSCN1053

Passear pelas ruas da Old Town, com os seus edifícios antigos, ficamos com a sensação de termos sido transportados para outra época. É uma verdadeira delícia passear pelas suas ruas estreitas e antigas e sermos surpreendidos pela música da gaita de foles.

Os mais conhecidos e principais pontos turísticos de Edimburgo estão concentrados na Old Town e, principalmente, na Royal Mile, que é a rua histórica mais importante da cidade, e que vai desde o Castelo até à Abadia de Holyrood. Esta rua está sempre lotada de turistas e na sua extensão é possível encontrar várias atracções da cidade, desde:

O Castelo de Edimburgo, que é a atracção mais visitada de toda a Escócia e um dos castelos mais importantes do Reino Unido, tendo por cá passado diversos monarcas ilustres, desde a Rainha Mary of Scots à Rainha Margaret, que mais tarde foi nomeada Santa. Entretanto o seu filho, o Rei David I, mandou construir a Capela Margaret, em sua homenagem. Actualmente é o edifício mais antigo de Edimburgo.

IMG_2208

Na realidade, o Castelo é um conjunto de vários edifícios como o Royal Palace, o National War Museum, Honours Of Scotland, entre muitos outros. O espaço é enorme e requer algum tempo para visitá-lo na totalidade.

IMG_2206

Se a sua ideia não for visitar o interior do Castelo, não deixe de lá ir, nem que seja apenas para admirar a vista fantástica, uma vez que o mesmo encontra-se numa das colinas mais altas da cidade.

IMG_2507

Logo a seguir ao Castelo encontra-se o Tartan Weaving Mill, que se trata de uma loja que é também uma atracção turística, onde podemos ver como é toda a produção dos famosos kilts, que são muito tradicionais aqui. A experiência é engraçada, e tinham por lá uns cachecóis de caxemira lindos que fiquei a roer-me por não ter comprado um…

IMG_2321

Mesmo à frente ao Tartan Weaving Mill encontramos o The Scotch Whisky Experience. Lá podemos conhecer toda a história do Whisky e ainda ver a maior colecção privada do mundo desta bebida. Se são fãs de Whisky é, sem dúvida, uma atracção a não perder. Nós fomos e adoramos! Vou contar todos os pormenores num próximo post.

IMG_2329

Bastante perto encontramos a Camera Obscura & World of Illusions, que me pareceu bastante interessante de visitar mas, infelizmente, já não tivemos tempo para fazê-lo.

IMG_2360

Ainda na Royal Mile encontramos a Catedral mais importante da cidade: a St. Giles. É bastante fácil de identificá-la, pois o alto da sua torre lembra a forma de uma coroa. O seu interior parece magnífico mas, infelizmente, quando lá passamos estava fechado e depois já não tivemos oportunidade de lá voltar.

IMG_2229

Afastando-nos um pouco da Royal Mile, mas ainda na Old Town, dirigimo-nos para a Grassmarket. Tratava-se de um mercado onde podíamos encontrar à venda cavalos e gado, e era também o local onde se faziam as execuções públicas. Actualmente encontramos aqui vários restaurantes e comércio diverso.

IMG_2170

Não deixem de passar pela Victoria Street e Victoria Terrace, que é, na minha opinião, um dos locais mais fotogénicos e bonitos de Edimburgo.

IMG_2188

DSCN1361

Não muito distante daqui, encontramos a famosa estátua do cão que guardou o túmulo do seu dono durante 14 anos, até morrer: a Greyfriars Bobby.

DSCN1234

E mesmo ali ao lado encontra-se a The Elephant House, que é passagem obrigatória para os fãs do Harry Potter, pois foi aqui que J.K. Rowlins começou a escrever os primeiros esboços dos livros.

DSCN1239

Do outro lado da rua está o National Museum of Scotland. É um museu extremamente interessante e interactivo, onde existem várias salas sobre os mais diversos temas: Reino Animal, Ciência, Transportes, História… Gostei tanto deste museu que vou fazer um post com mais detalhes sobre ele. E o melhor de tudo é que a sua entrada é gratuita. 😉

Os jardins do Princess Street separam a cidade velha da cidade nova.  Trata-se de um enorme parque, com belos jardins, mas na altura que lá fomos (e por isso é que lá fomos nessa época) estava a decorrer o famoso mercado de Natal, pelo que grande parte do jardim foi invadido por barraquinhas de comida e artesanato, assim como várias atracções e divertimentos.

IMG_2487

Um dos principais destaques deste parque é o Scott Monument, construído em homenagem ao escritor escocês Sir Walter Scott. É possível subir para obter uma vista da cidade, sendo a entrada paga.

DSCN1311

Mas um dos locais onde se obtêm uma das melhores vistas da cidade é sem dúvida, o Calton Hill. Se apanharem um dia bom (não foi o nosso caso) a vista é completamente desafogada. Ainda nesta colina podemos encontrar vários monumentos: National Monument of Scotland, o Observatório e o Dugald Stewart Monument.

IMG_2269

DSCN1087

Ainda na New Town não deixem de passar pelo museu Scottish Nacional Portrait Gallery, nem que seja apenas para admirar o seu belíssimo interior.

Sem dúvida que Edimburgo superou as minhas expectativas e deixou-me o “bichinho” de lá voltar e explorar toda a Escócia 🙂