Praga: Dicas Práticas

Este será o último post sobre Praga e onde vou reunir algumas dicas práticas sobre a cidade (além daquelas que já foram mencionadas neste post.)

  • Hotel:

Quando começamos a organizar a nossa viagem pela Europa equacionamos a possibilidade de alugarmos apartamentos em vez de hotel, uma vez que esta viagem não ia sair barata, desta forma sempre conseguíamos poupar algum ao fazer algumas refeições no apartamento.

E foi, sem dúvida, uma das melhores decisões que tomamos nesta viagem. Além de termos economizado bastante, deu-nos outra liberdade que num hotel não nos é possível, desde chegar mais cedo ao apartamento e não ter que voltar a sair para ir jantar.

Pesquisei muitos apartamentos, através dos sites Airbnb e Booking, e em Praga encontrei os Apartamentos Pushkin.

Pareceu-me ideal, super bem localizado, espaçoso e o melhor de tudo, muito em conta 🙂 Só tinha um senão, o facto de não ter serviço de recepção 24 horas, e só ser possível fazer check-in até às 21:00. Apesar da chegada do nosso voo estar agendada para as 18 Horas, mais o tempo de chegarmos ao centro e depois ao hotel, se tudo corresse bem chegaríamos por volta das 19 Horas. Por isso decidimos marcar… Mas depois começaram as minhas inseguranças e dúvidas, e se o nosso voo se atrasasse e não conseguíssemos chegar ao hotel a horas de fazer o check-in??

Felizmente correu tudo bem, o nosso voo chegou antes da hora e nem tivemos que esperar pelo autocarro que nos levou ao centro, pois mal saímos do aeroporto ele lá estava e partiu logo quando embarcamos. Por isso, ainda chegamos antes do que estava a prever.

Mas fica a dica, se o vosso voo for muito tarde, é melhor não correrem o risco de reservar aqui 😉

DSCN2644Os Apartamentos Pushkin está localizado no centro histórico de Praga, a cerca de dois minutos a pé da Ponte Carlos e da Praça da Cidade Velha. Está super bem localizado!

Quando aqui chegamos o nosso receio era o barulho que podíamos ouvir durante a noite, por ter uma localização tão central o fluxo de pessoas que aqui passam é muito grande e o nosso quarto era virado para uma rua cheia de bares… Mas, o quarto tem uma boa insonorização, não ouvimos nada e tivemos umas noites tranquilas. Excepto uma noite que havia um jogo importante de hoquei (que é uma modalidade muito popular aqui) e que ouvimos alguns festejos vindos do bar do outro lado da rua, mas nada que nos tirasse o sono durante toda a noite.

DSCN2828A única coisa que não gostei foi o facto de não ter umas cortinas mais escuras, o quarto/sala tem umas janelas enormes e apenas está coberto por um cortinado bem fino que deixa entrar toda a claridade. E como eu não consigo dormir com claridade, assim que o sol nascia acordava…

DSCN2827A cozinha estava equipada com tudo o necessário para fazer refeições (tachos, frigideiras, fogão, microondas, chaleira, loiças) e até máquina de lavar roupa e tábua e ferro de passar.

DSCN2830

Também tem disponível WiFi gratuito e o sinal é bom.

  • Restaurantes:

A maioria das nossas refeições foram feitas no “nosso” apartamento, mas não queríamos sair da Republica Checa sem provar a sua culinária. Seleccionei alguns restaurantes, com a ajuda de várias pesquisas em blogs e no tripadvisor, e acabamos por nos decidir ir ao U Rudolfina.

DSCN2785

Este restaurante é frequentado, na sua maior parte, por pessoas locais que saem do trabalho e vão beber uma cerveja e que acabam por ficar e comer qualquer coisa…

Não esperem encontrar um serviço cinco estrelas, nem nada que se pareça, vão encontrar muito barulho (ainda por cima se houver um jogo de hoquei como nesse dia havia), pessoas a fumarem lá dentro, mas se querem ter uma experiência genuína não deixem de ir ao U Rudolfina.

Mas o mais importante era a comida e essa estava deliciosa.

Eu queria muito experimentar um goulash, que é considerado um dos pratos típicos daqui. Trata-se de um cozido de carne de vaca servido com um molho muito condimentado e acompanhado com rodelas de pão e batatas. Estava divinal!

DSCN2780

O Sérgio escolheu uns ribs picantes e pela primeira vez vi-o a elogiar uma comida em viagem (ele é do mais esquisito que possa existir em relação a comida, só gosta da nossa :P)

DSCN2781

A comida foi acompanhado com vários litros de cerveja típica 🙂 Já tinha lido no meu lonely planet que ao irmos a um bar eles deixam um pequeno papel na nossa mesa e riscavam um traço por cada cerveja que nos serviam e que era importante não perdermos esse papel! No U Rudolfina utilizaram esse sistema, cada vez que pedíamos uma cerveja faziam um traço no pedaço de papel que tínhamos na nossa mesa 😉

Além da comida estar deliciosa o melhor da noite foi mesmo o preço, foi extremamente barato, pagamos cerca de 13€ pelos dois pratos, as cerveja que pedimos (mais de 2 litros) e a gorjeta que deixamos.

  • Transporte público:

Não posso dar grande dicas sobre o transporte público na cidade, pois não o utilizamos, excepto para sair do aeroporto (aqui).

Como o nosso apartamento era super localizado andamos sempre a pé. E Praga é uma cidade onde as principais atracções são relativamente perto umas das outras, por isso não vi necessidade de utilizar os transportes.

  • A não perder:

Se foram apreciadores de cerveja não podem sair de Praga sem experimentarem. Nós perdemos a conta das cerveja que experimentamos, compramos muitas no supermercado para bebermos durante as refeições que fazíamos no apartamento.

IMG_9951

Mas também fomos a bares e houve uma que gostamos especialmente, a Pilsner Urquell. É considerada a melhor marca de cervejas Checa.

IMG_9957

Além de saborosa, a cerveja na República Checa é muito barata!!

Agora vamos para os doces… Depois de ter visto praticamente em cada esquina um estabelecimento a vender um doce típico, com o nome Trdelník, não resisti e decidi experimentar!

DSCN2641

O Trdelník trata-se de uma massa enrolada em forma de espiral, em volta de um espeto que vai girando sobre a brasa do carvão. Quando está pronto é polvilhado com açucar e canela.

Pode ser servido simples ou recheá-lo com diversas opções, nutella, doce de morango, baunilha, gelado…

Nós escolhemos o recheio de nutella e é tãoooo bommmm 🙂

IMG_0050

O impossível é mesmo comer só um, ainda por cima, como este doce é tão popular nestas bandas existe lojinhas de trdelník porta sim, porta não, então é praticamente impossível não estarmos sempre a passar por o cheiro delicioso que este doce emana e não nos sentirmos tentados a comer…

Esta entrada foi publicada em Praga, Republica Checa com as etiquetas , , , , , . ligação permanente.

Uma resposta a Praga: Dicas Práticas

  1. Pingback: Eurotrip Praga, Viena, Bratislava e Budapeste | Gastos | Diario de Bordo da Gi

Deixe uma Resposta

Preencha os seus detalhes abaixo ou clique num ícone para iniciar sessão:

Logótipo da WordPress.com

Está a comentar usando a sua conta WordPress.com Terminar Sessão /  Alterar )

Google photo

Está a comentar usando a sua conta Google Terminar Sessão /  Alterar )

Imagem do Twitter

Está a comentar usando a sua conta Twitter Terminar Sessão /  Alterar )

Facebook photo

Está a comentar usando a sua conta Facebook Terminar Sessão /  Alterar )

Connecting to %s