Dunas Erg Chebbi – Sahara

Depois das gargantas do Todra, começamos a preparar-nos para um dos momentos altos da viagem… Assistir ao por do sol e ao nascer, e ter a formidável experiência de pernoitar no meio do deserto Sahara! Estava super entusiasmada e não via a hora de lá chegar 😀

No horizonte começamos a ver algumas dunas e a estrada de alcatrão começava a ficar camuflada com a areia… era sinal que estávamos a aproximar-nos do deserto 😀

Antes de prosseguirmos viagem para o deserto, fomos recebidos no Auberge du Sud com um chá de menta (em todos os locais que parávamos em Marrocos fomos recebidos com chá de menta).

DSCN7316

IMG_1018

Photo by Ricardo Furtado

Já “conhecia” este fantástico hotel, mais propriamente a área da piscina, através das fotos que o João Cajuda publicava nas redes sociais.

E já que alí estávamos não podíamos perder a oportunidade de ver pessoalmente aquela piscina, que tantas vezes vimos em fotos…

Então pedimos ao staff do hotel se era possível ir a essa zona, disseram-nos que não havia problema, desde que não nos demorássemos muito, pois tínhamos que chegar ao acampamento antes do por do sol.

Lá fomos nós a correr para apreciar esta beleza de perto…

DSCN7321

Não é todos os dias que temos a oportunidade de estar numa piscina com uma incrível vista para as dunas do deserto do sahara!

IMG_6661IMG_6668

O meio de transporte que nos levou para o acampamento berbere, onde íamos pernoitar, foi o dromedário.

O entusiasmo e o receio de andar de dromedário estavam ao mesmo nível. O bicho estava deitado, nós sentamo-nos na sua bossa, e ao levantar-se as patas traseiras são as primeiras a elevarem-se, e com este movimento o nosso corpo é “projectado” para a frente… Por isso estava com um pouco de receio de dar um trambolhão de cima do bicho, quando ele estava a levantar-se…

Mas correu tudo bem, todos em cima dos respectivos dromedários, prontos para mais uma aventura 🙂

Para o acampamento apenas levamos o imprescindível para passar uma noite, uma mochila com uma muda de roupa e pouco mais.

DSCN7313

No inicio estava bastante animada por estar a viver esta experiência, andar de dromedário no meio do deserto, estava a ser uma experiência única!

DSCN7379

IMG_6705Mas com o passar do tempo, as dores começaram… A bossa do animal não é a coisa mais confortável do mundo e se juntarmos os solavancos que bicho dava para subir e descer as dunas, digamos que a coisa não foi muito agradável… e o cóccix começou a ressentir-se… Já não tinha posição para estar, não via a hora de sair de cima do raio do bicho…

IMG_1105

Photo by Ricardo Furtado

O que minimizava as dores era mesmo a fantástica paisagem que tínhamos à nossa volta.IMG_6731DSCN7383

Chegamos ao acampamento mesmo a tempo de assistir ao por do sol. Descemos dos dromedários e subimos uma enorme duna (e raios, como custou subir aquela duna), e do topo tivemos o privilégio de assistir a um lindíssimo por do sol.

DSCN7390DSCN7399IMG_6753

Ficamos ali até o sol desaparecer totalmente e o céu ficar com uns tons quentes.

DSCN7412

E alí estávamos nós, longe de toda a civilização, só nós e a imensidão do deserto Sahara.

Estávamos precisamente nas dunas de Erg Chebbi, a cerca de 30 km da fronteira da Argélia. Eu e a Sandra ainda brincamos que estávamos tão perto da Argélia que podíamos dar um “pulinho” só para ficarmos com mais um carimbo no passaporte 🙂

Depois de o sol desaparecer completamente no horizonte, decidimos ir conhecer as nossas acomodações no acampamento (vou fazer um post com os pormenores do acampamento).

DSCN7414

A noite chegou e depois de um típico jantar marroquino, assisti a um céu deslumbrante de tão estrelado que estava.

IMG_1267

Photo by Ricardo Furtado

IMG_6806

Foi aí que caiu-me a ficha, estávamos no meio do nada, longe de toda a civilização, no nosso acampamento apenas estávamos nós e mais uns quatro brasileiros e o pessoal do staff… Aqui não havia rede de telemóvel e a electricidade que havia era produzida através de um gerador…

O silêncio era contagiante e difícil de explicar, os sons que ouvíamos durante a noite eram apenas os da natureza (e alguns ronco nos “quarto” junto ao nosso :P)

É daquelas experiências únicas e impossíveis de esquecer, pois não é todos os dias que podemos dizer que pernoitamos no meio do deserto…

DSCN7445

Eram 5:30 hrs quando acordamos, para subir a uma duna e assistir ao nascer do sol.

DSCN7503

Depois de uma subida difícil pela duna, sentamo-nos a assistir a este único e lindo espectáculo.

DSCN7454

Estávamos nós descansadinhos no topo da duna, até que a nossa paz foi perturbada pelo resto dos turistas que estavam no acampamento… Assistimos a algo que ficou como uma das frases da nossa viagem…

Como já tinha comentado, os outros turistas que estavam no acampamento eram brasileiros, e uma das senhoras não estava a conseguir subir a duna (sim, era mesmo difícil!), então um dos senhores que já estava no topo grita lá de cima “Vem dxiii quatrrroooo” (Ler com sotaque brasileiro), e para rematar ainda disse que para descer “Vai dxxiii bundaa” 🙂

DSCN7449

IMG_1350

Photo by Ricardo Furtado

Tirando este caricato episódio, foi um momento mágico, o de contemplar o nascer do sol nas dunas do deserto.

A esta hora, as dunas possuem uma cor rosa vivo, e todo o local ainda se torna mais encantador.

DSCN7515DSCN7535

Depois de tomarmos o pequeno almoço eram horas de voltar para a civilização…

DSCN7529

Mais um hora em cima do dromedário… Uma hora bem dolorosa, pois o meu coccix ainda não tinha recuperado das dores do dia anterior…

DSCN7580

Vá lá que o cenário compensava todas as dores 🙂

DSCN7544 IMG_6870

Esta entrada foi publicada em Deserto Sahara, Marrocos com as etiquetas , , , , , . ligação permanente.

Deixe uma Resposta

Preencha os seus detalhes abaixo ou clique num ícone para iniciar sessão:

Logótipo da WordPress.com

Está a comentar usando a sua conta WordPress.com Terminar Sessão /  Alterar )

Google photo

Está a comentar usando a sua conta Google Terminar Sessão /  Alterar )

Imagem do Twitter

Está a comentar usando a sua conta Twitter Terminar Sessão /  Alterar )

Facebook photo

Está a comentar usando a sua conta Facebook Terminar Sessão /  Alterar )

Connecting to %s