Phang-Nga Bay

Uma das excursões que marcamos, na noite anterior, foi à Baía de Phang-Nga. Sinceramente, não fazia muita questão de ir à famosa ilha James Bond, que é uma das principais atracções desta Baía. Um dos principais factores que nos levou a marcar esta excursão, foi que o passeio seria efectuado através de um barco grande, ou seja, a velocidade ia ser muito inferior do que se fossemos num speedboat, por isso, o risco da minha amiga enjoar seria muito menor.

Phang Nga Bay (18)

Como já tinha mencionado, este não era um dos sítios que fazia questão de ir, já tinha visto aquela imagem da James Bond em tantos sítios, que era essa a ideia que tinha daquela baía. E não queria pagar um balúrdio para ir ver um calhau no meio do mar…

Mas, gosto tanto quando sou surpreendida, pela positiva 🙂

A excursão não começou muito bem, para mim, logo quando partimos do cais e começo a tirar fotografias reparo que a minha máquina estava a deixar uma mancha preta no meio das fotos, nem queria acreditar…Estava a fazer uma das minhas viagens de sonho e já tinha estragado duas máquinas fotográficas… Confesso que até chorei…Felizmente, ainda tinha outra máquina…

O acidente com a máquina fotográfica foi rapidamente esquecido quando começo a ver a paisagem que tinha à minha frente.

Phang Nga Bay (16)

Tentei encontrar um bom adjectivo para retratar o que vi, mas não consegui. Qualquer um seria pouco para descrever a beleza daquele lugar.

A área da baía tem cerca de 400 km2, há mais de 40 ilhas com enormes penhascos verticais, alguns com grutas. Algumas dessas grutas só são acessíveis quando a maré está baixa.

Phang Nga Bay (7)

Aqui, a cor do mar é turquesa, e por onde se olhe, os nossos olhos vão sempre encontrar alguma formação rochosa.

Phang Nga Bay (2)

Mal o dia tinha começado e já achava que esta excursão estava a ser uma das melhores. Para mim, bastava-me isto, navegar pela baía e admirar estas formações cársicas gigantescas 🙂

Phang Nga Bay

Estas paisagens naturais, onde o homem não tem qualquer intervenção, dão-me um enorme fascínio. E são das coisas que mais me dá prazer em ver, neste momento, estava em puro êxtase.

Phang Nga Bay (3)

Mas o dia mal estava a começar… 🙂

Phang Nga Bay (8)

A nossa primeira paragem foi em Panak Island.

Panak Island

Ainda no barco, avisaram-nos que íamos visitar esta gruta através de kayak. Eu sou péssima a remar, não tenho força de braços, então já estava a ver que ia ser um suplício… Mas quando o barco parou, à nossa espera estavam os kayaks já com remadores 😀

Panak Island (3)

O kayak só podia transportar duas pessoas, então, fomos duas a duas. Mas tivemos muita sorte com os nossos remadores, eram dois rapazes muito simpáticos e brincalhões.  Como perceberam que éramos todas amigas, foram sempre com os kayaks juntos, e apesar do nosso remador não saber falar inglês, o que ia no kayak com as outras nossas amigas falava, por isso íamos ouvindo as explicações sobre o que íamos vendo pelo caminho.

Panak Island (4)

A gruta era muito escura, não se via nada, mas cada Kayak tinha uma lanterna, para iluminar o caminho e também as zonas onde estavam os morcegos pendurados, para podermos vê-los.

Ao sair da gruta tivemos que nos deitar no kayak, pois o “tecto” estava muito baixo, senão o fizéssemos batíamos com a cabeça na gruta 🙂

Quando saímos da gruta, chegamos a um lugar lindo, uma lagoa escondida do mundo exterior.

Panak Island (8)

Demos uma volta de kayak e vi de perto vários arbustos de mangue. O nosso remador, através de gestos, perguntou-me se queria subir para cima do arbusto. É claro que sim 😀

Panak Island (9)

Panak Island (10)

Panak Island (5)

No caminho de regresso para a gruta passamos perto de vários macacos…

Panak Island (11)

Panak Island (6)

Panak Island (7)

Antes de regressarmos ao barco grande, os nossos remadores fizeram uma paragem numa pequena praia, e tivemos por lá a tirar fotos e a divertir-nos um pouco.

Panak Island (12)

O remador do meu kayak, o nosso macaquinho, como carinhosamente lhe tratava, era tão querido e simpático. Sempre que olhávamos para ele, tinha um sorriso nos lábios.

Com folhas secas fez uma flor e ofereceu-me 🙂
Panak Island (13)

Já lá estávamos há um belo bocado, quando alguns macacos começaram a aparecer junto de nós, os rapazes avisaram-nos que eles são perigosos e que era melhor não nos aproximar-mos… Era hora de regressarmos ao barco.     Panak Island (14)

Já no barco, o almoço foi servido a bordo. Tínhamos alguma variedade e a comida estava deliciosa.

Phang Nga Bay (15)

Phang Nga Bay (14)

Depois de algum tempo a navegar, chegamos à Hong Island.

Hong Island (16)

Os remadores dos kayaks tinham ido connosco no barco, por isso, exploramos esta ilha com os mesmo rapazes.

Hong Island (14)

Não conseguimos fazer todo o percurso no kayak, como a maré estava muito baixa, em algumas zonas não existia água…

Hong Island (2)

Portanto, além do kayak, também exploramos esta ilha a pé.

Hong Island (4)

O remador do kayak das minhas amigas era tão brincalhão, estava sempre a meter-se connosco, ou punha-se por trás de nós, quando estávamos a tirar fotografias, ou imitava as nossas poses… Foi um autêntico pagode 🙂

Hong Island (12)Aqui estava a imitar alguma de nós, numa pose… 🙂

Andamos cerca de uma hora por esta ilha, ora a explorar grutas, ora a navegar junto às formações rochosas ou simplesmente a andar sobre o areal…

Hong Island (7)

Hong Island (6)

Hong Island (11)

Segundo o nosso guia, esta ilha era conhecida como a James Bond II, devido a uma formação rochosa que a ilha têm, bastante similar à original.

Hong Island (15)

E, na minha opinião, depois de ter visitado a verdadeira James Bond, esta é muito mais bonita.

Hong Island (8)

Hong Island (9)

Eram horas de regressar ao barco grande e deixar os nossos remadores de Kayaks para trás… Ohhhh 😦

Phang Nga Bay (11)

No barco tínhamos sempre à nossa disposição refrescos, assim como, fruta e bolachas.

Phang Nga Bay (17)

Phang Nga Bay (13)

Depois de algum tempo a navegar, chegamos à ilha mais fotografada desta baía, a James Bond.

james bond (4)Saímos do barco grande e trocamos por um long tail boat que nos transportou até à ilha.

james bond (2)

E sim, confirma-se, a ilha James Bond não é nada de especial. Apenas aquela rocha com a base mais fina e que imaginei ser maior do que realmente é…

james bond (7)

james bond (5)

james bond (6)

O nome original desta ilha é Khao Phing Kan, mas toda a gente a conhece como James Bond Island, devido ao filme “007 The man with the golden gun”, de 1974, que utilizou esta ilha como um dos cenários para o filme.

james bond (3)Felizmente, na altura que fomos, não estavam demasiados turistas, o que permitiu tirar bastantes fotografias à paisagem.

james bond

Aqui tivemos relativamente pouco tempo, cerca de 30 minutos, mas também não havia muito mais para ver… Ainda vi uma gruta, mas acabei por não entrar.

Eram horas de regressarmos ao barco, para o último destino do dia.

Phang Nga Bay (12)Navegamos um pouco mais por esta maravilhosa baía.

Phang Nga Bay (4)

Até chegarmos à Lawa Island.

Uma ilha deserta, onde íamos assistir a um lindo por do sol.

lawa Island

lawa Island (2)

lawa Island (3)

lawa Island (6)Esta ilha foi o local ideal para terminar um dia, simplesmente, único e perfeito..

lawa Island (8)Assistir o sol a pôr-se por detrás daquelas formações rochosas, foi uma experiência incrível. Só pensava que não queria partir. Queria ficar.

lawa Island (9)

lawa Island (7)Mas tive que voltar…

A viagem de regresso foi feita de noite, e o frio começou a incomodar um pouco e, também, começou a fazer um pouco de ondulação,o que tornou a viagem um pouco mais atribulada… Mas nada conseguia estragar aquele dia perfeito 🙂

Sem dúvida, este foi um dos sítios mais memoráveis que tive, durante a estadia em Phuket.

Neste dia tive tantas experiência inacreditáveis, desde andar de kayak, visitar grutas, ver esta linda baía, ver macacos selvagens…Que vai ser um dos sítios que vou recordar com mais carinho, desta viagem 🙂

E além do mais não foi muito dispendiosa, em relação às outras excursões que pagamos em Phuket, custou 1500 Baths (35€).

Deixa o teu comentário

Preencha os seus detalhes abaixo ou clique num ícone para iniciar sessão:

Logótipo da WordPress.com

Está a comentar usando a sua conta WordPress.com Terminar Sessão /  Alterar )

Google photo

Está a comentar usando a sua conta Google Terminar Sessão /  Alterar )

Imagem do Twitter

Está a comentar usando a sua conta Twitter Terminar Sessão /  Alterar )

Facebook photo

Está a comentar usando a sua conta Facebook Terminar Sessão /  Alterar )

Connecting to %s