Cascata do Tahiti – Gerês

Sabia que a cascata do Tahiti não ficava muito longe da Cascata do Arado, depois de passar a aldeia de Ermida tinha que seguir em direcção a Cabril, e a cascata encontra-se junto a uma ponte…

Ao contrário da cascata do Arado, esta não se encontra sinalizada, só conseguimos achá-la porque vimos alguns carros estacionados, depois da ponte.

Já que o nosso amigo GPS não conseguia encontrar satélites, o que tornou a nossa tarefa ainda mais difícil, decidimos sair do carro e ver se a cascata era ali…  Num caminho escondido, entre silvas, encontramos as Tahiti 😀

Cascata do Tahiti (4)A designação correcta para estas cascatas é Fechas de Barjas, apesar de serem mais como conhecidas como Tahiti. Os habitantes locais não gostam desse nome e não o usam.

Se achei complicado descer até à Cascata do Arado, ainda não sabia o que me esperava nesta…

Cascata do Tahiti (7)Pode-se ficar pelas primeiras quedas de água, a descida não é complicada, e a vista é bastante bonita e também tem uma lagoa que permite o banho.

Cascata do Tahiti (6)

Cascata do Tahiti (5)

Mas claro que não me dei satisfeita em ficar apenas pelas primeiras quedas de água…

A descida não é fácil, é preciso descer com muito cuidado, pois o acesso é muito sinuoso e agreste, cheio de obstáculos pelo caminho.

Ao longo do caminho encontramos antigos moinhos, e podemos apreciar a bela paisagem que temos à nossa espera…

Cascata do Tahiti (8)Todos os esforços são recompensado quando chegamos ao fim da descida.

Cascata do Tahiti (9)

É, sem dúvida, as cascatas mais bonitas que já vi 🙂

Cascata do Tahiti (10)Esta queda de água termina numa calma lagoa, à volta encontram-se várias pedras grandes, onde podemos estender a toalha, ou simplesmente, admirar este belo cenário.

Cascata do Tahiti (3)Cascata do Tahiti (2)

Apesar da água estar gelada, era impossível não dar um mergulho naquelas águas cristalinas.

Cascata do Tahiti (11)Cascata do Tahiti

E fiquei o resto da manhã, a refrescar-me naquelas águas e a admirar tudo à minha volta.

Infelizmente o tempo passa demasiado depressa quando estamos a fazer algo que gostamos… Era hora de voltar à estrada, ainda havia muita coisa para ver nesse dia…

Quando saímos da cascata do Tahiti, encontrámos um parque de merendas com vista para o rio Arado.

Como de manhã, antes de abalarmos, fomos abastecer-nos de alimentos a um supermercado na vila do Gerês, decidimos que este era o local ideal para fazer um piquenique 🙂

Vista Almoço 1º dia (2)

Vista Almoço 1º dia

E havia melhor lugar para almoçar, do que este, com esta lindíssima paisagem?

Não trocava o local onde estava a almoçar por nenhum restaurante com estrela michelin 😉

Esta entrada foi publicada em Gerês, Portugal com as etiquetas , , , , , . ligação permanente.

Deixe uma Resposta

Preencha os seus detalhes abaixo ou clique num ícone para iniciar sessão:

Logótipo da WordPress.com

Está a comentar usando a sua conta WordPress.com Terminar Sessão /  Alterar )

Google photo

Está a comentar usando a sua conta Google Terminar Sessão /  Alterar )

Imagem do Twitter

Está a comentar usando a sua conta Twitter Terminar Sessão /  Alterar )

Facebook photo

Está a comentar usando a sua conta Facebook Terminar Sessão /  Alterar )

Connecting to %s